quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

#148 - Tony da Gatorra


Esse mito riograndense dedicou sua vida a lapidar um instrumento que pudesse protestar contra a miséria, a impunidade, a indiferença desse país. Não se conformaria com a estética pronta de um hippie e, em lugar da barba desgrenhada, lançou um bigodão no meio do rosto. Sua música é de protesto! E o protesto, é pela PAZ!

(Sugestão: abra o myspace de Tony em outra janela e deixe rolando "Droga Fatal")

Depois de anos vivendo um vida humilde, dividindo seu tempo entre a música e o conserto de eletrodomésticos (Tony é engenheiro eletrônico), o mundo começa a descobri-lo, a partir de sua lendária apresentação num acampamento comuna em Porto Alegre, em 2002. A lembrança de Tony se apresentando debaixo da chuva será para sempre guardada no coração dos 5 fãs cariocas que puderam presenciar o momento.

Recentemente, Tony embarcou numa parceria internacional com o também construtor de instrumentos exóticos e atonais, Gruff Rhys, do Super Furry Animals. Confira uma apresentação da banda deles em Liverpool, tocando a gatôrrica House Full of Mirrors, nesse ano:



De lá para cá, vem experimentando o doce sabor do sucesso. Famoso, Tony agora produz gatorras em série e as vende, o que deve garantir um rendimento maior do que consertar tevês, mas vai saber. Já está na número 10 e, segundo informa seu blog, por apenas R$2,000,00, ela pode ser sua.

Gatorra número 10, à venda pelo
http://www.tonydagatorra.blogspot.com/

4 comentários:

bernardo disse...

Viram isso?
http://www.vanityfair.com/culture/features/2007/11/cohen200711?currentPage=1

Defunto Autor disse...

O homem é um visionário.

Heidinha disse...

DOIS BARÃO NUMA GATORRA! FICOU LOUCO TONY? Esse cara não ama a paz u_u

Sidney Mirandão disse...

PQP, a Brahma só chamou lixo pra inglês ver. Esse lama da gatorra e o tal do Bonde do Rolê são as piores merdas que eu já ouvi na vida.

Um cara desses ganhar dinheiro com música é que é uma injustiça!