segunda-feira, 28 de maio de 2007

#21 - Lee Van Cleef/"Il Cattivo"


O bigode funciona para a mira de um pistoleiro mais ou menos como o rabo funciona para o gato. É uma questão de equilíbrio. Quando lançaram esse blog, todo mundo deve ter pensado em Charles Bronson/Jackson Antunes e quetais (que ainda estão por vir, com calma, em datas comemorativas apropriadas para suas respectivas grandezas). E é explorando a "profunda ligação mítico-psíquica tácita-declarada entre o bigode e as armas" que inauguro aqui a longa estrada dos bigodes de pistoleiro, com a presença ilustre dessa grande lenda, o sujeito de poucas palavras que sabia tudo de atirar com o cão, o homem humildemente conhecido no Velho Oeste como "O Mau".

Leitura recomendade para os hereges que não o conhecem:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Lee_Van_Cleef
http://pt.wikipedia.org/wiki/Il_Buono%2C_il_brutto%2C_il_cattivo

Vídeo-aula, ainda para os hereges; um regalo de poesia para homens sensíveis que conhecem:
http://www.youtube.com/watch?v=1NwsP8GgpkA

5 comentários:

Defunto Autor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Defunto Autor disse...

Armas de fogo não são mortais.

Homens de bigode, sim.

Eduardo Rodrigues disse...

Emocionante! Emocionante!

O maior bigode até agora! Uma lágrima furtiva escorre por minha face.

Baker: Here, this is for you. You did a good job for me.
[hands over a purse]
Angel Eyes: Oh I almost forgot. He payed me a thousand. I think his idea was that I kill you.
[they both laugh]
Angel Eyes: But you know the pity is when I'm paid, I always follow my job through. You know that.
Baker: Noo! Angel Eyes!
[he is shot through a pillow]

Sicknsour disse...

peraê, ele era o mau!

tiago disse...

arrebentou, victor. "o bigode funciona para o pistoleiro mais ou menos como o rabo funciona para o gato" abalou as estruturas. um bigode astuto, resoluto, preciso.